Sexo (4):
ATENÇÃO: Estas páginas podem ferir a sensibilidade de algumas pessoas pela linguagem utilizada.

        O bombeiro, depois de um dia exaustivo de trabalho, a apagar não sei quantos incêndios e a salvar pessoas, chegou a casa muito cansado e entrou rapidamente. A mulher, que estava no quarto, gritou:
        - Não, Carlos, não acendas a luz que eu estou a morrer de dor de cabeça.
        E antes de que ele pudesse dar mais um passo, ela gritou ainda mais:
        - Pelo amor de Deus, não acendas a luz, que estou com uma enxaqueca das grandes!
        Ele tirou a roupa mesmo às escuras , enquanto a mulher gemia e gritava:
        - Não acendas a luz, que me irrita os olhos e a dor de cabeça ainda piora!
        E o pobre marido ficou com pena da mulher, tornou a vestir-se , no escuro, e correu para a farmácia da esquina, que estava de serviço. O farmacêutico, que via o homem passando por ali, reconheceu-o e disse:
        - Oiça, o senhor não é bombeiro?
        - Sou...
        - E o que é que está a fazer com essa roupa de guarda-noturno?
 

        Conselho: nunca se deve beber leite muito quente antes de deitar - retira metade da potência sexual. A explicação é simples: queima os dedos e queima a língua.
 

        Numa cidade pequena, surgiu um corcunda que apanhou todas as garinas, todas falavam só no corcunda, que o corcunda era maravilhoso, que ele era demais, etc. O pessoal da cidade começou a ficar curioso, porque raios a mulherada queria um corcunda que era feio que nem uma porta ? Um dia, num bar, um dos rapazes foi à casa-de-banho e encontrou o corcunda, com a mangueira de fora, tirando água do joelho. O gajo sem querer olhar muito para o coiso do corcunda começou a perguntar:
        - Ó corcunda, porque é que a mulherada anda sempre atrás de ti se és feio que até dói ?
        - Feio realmente sou mas o que a mulherada quer é o meu pinguelo.
        O gajo dá uma olhada e diz:
        - Que coisa ! Grande, heim ? Se eu tivesse um desse tamanho passava a vida a chupá-lo!
        - Porque é que achas que sou corcunda?
 

        Havia um homem que era muito solidário. Gostava muito de ajudar as pessoas, compartilhar tristezas, transmitir alegrias...
        Estava num comboio, numa viagem tranquila, quando ouve uma rapariga a vomitar. A rapariga estava pálida, estava a passar mal. Ela saiu da casa-de-banho acompanhada da mãe e sentaram-se. O homem ficou preocupado e resolveu ir até lá, para ajudar e saber o que aconteceu à rapariga. Ao tentar adivinhar a causa do enjoo, perguntou à mãe da rapariga:
        - Foi comida ?
        - Foi, mas vai casar.
 

        - Querida vamos para a cama que eu aprendi a fazer amor à merceeiro.
        Depois do acto:
        - Querido, não notei diferença nenhuma.
        - Então não viste o lápis atrás da orelha?
 

        O Homem para a Mulher:
        - Maria!!! Yuhh ... Yuhh!!!
        - Hoje NÃO, estou com o período!
        - Parabéns a você, nesta data querida, hoje é .....
        - Estás a cantar os parabéns porquê, ah?!!?!
        - Hoje é o teu Dia de Anus.…
 

        Estavam dois homens numa sala de espera de um médico. O primeiro homem pergunta ao outro:
        - Qual é o teu problema ?
        E o outro responde dizendo que tem um risco azul a volta do caralho. O primeiro comenta:
        - Isso tem graça, eu também tenho um risco mas é vermelho.
        Entretanto o medico chama o primeiro homem, passados 2 minutos ele sai todo contente e diz:
        - Não te preocupes isso não é nada.
        E sai. O segundo homem entra e o médico manda-o baixar as calças e, após uma longa observação, o médico diz:
        - Tenho muita pena mas vou ter de lho amputar.
        Logo o homem pergunta:
        - Mas o outro gajo disse que não havia nada de especial.
        - Sim - diz o médico - mas existe uma grande diferença entre batom e gangrena.
 

        Golf de quarto - Regras:
        1. Cada jogador deve fornecer o seu próprio equipamento de jogo - normalmente um taco e duas bolas;
        2. Jogar num percurso tem de ser aprovado pelo dono do buraco;
        3. Ao contrário do golf normal o objectivo é enfiar o taco no buraco e deixar as bolas de fora;
        4. Para um jogo mais efectivo o taco deve ser rígido, os donos dos percursos tem autorização para verificar a rigidez antes do jogo;
        5. Os donos dos percursos tem o direito de restringir o comprimento do taco para evitar danos no buraco;
        6. O objectivo do jogo é enfiar o taco no buraco tantas vezes quantas as necessárias até que o dono esteja satisfeito e a jogada completa. O não cumprimento desta regra pode resultar na proibição de jogar o mesmo percurso outra vez;
        7. É considerado mau jogo enfiar o taco imediatamente após a chegada ao percurso, os jogadores experientes normalmente levam algum tempo a admirar o percurso com especial atenção às elevações no terreno;
        8. Avisam-se os jogadores que não devem mencionar outros percursos que já tenham jogado, ou estejam a jogar, ao dono do percurso corrente. Já houve casos de donos de percursos zangados que causaram danos ao equipamento de alguns jogadores por esta razão.
        9. Os jogadores não devem assumir que o percurso está sempre jogável, alguns jogadores podem ficar embaraçados se encontrarem o percurso em reparações. Avisam-se os jogadores que devem ser bastante tácteis nesta situação. Os jogadores mais avançados encontrarão meios alternativos de jogar neste caso;
        10. Os jogadores deverão obter autorização do dono do percurso se quiserem jogar os buracos traseiros do percurso;
        11. Dar nas vistas é encorajado, mas os jogadores devem estar preparados para jogar mais rapidamente, pelo menos durante algum tempo, se o dono do percurso assim o requerer.
        12. É considerado uma jogada excepcional o jogar o mesmo buraco várias vezes durante o mesmo jogo.
 

        Uma velha e conhecida prostituta morreu. Já dentro do caixão, o joelho direito disse para o joelho esquerdo:
        - Enfim juntos.
 

        Um gajo estava à espera do autocarro e outro chega-se ao pé dele e diz:
        - Sai dai que essa paragem vai cair.
        O gajo saiu a correr da paragem que logo de seguida desabou. Assustado, o gajo foi para outra paragem mais a frente, chegou lá, sentou-se num muro, então o mesmo gajo da 1.a vez chegou e disse-lhe:
        - Cuidado que esse muro vai cair.
        O homem nem pensou duas vezes, saltou do muro que imediatamente se desmoronou.
        Depois de passar o susto, o gajo novamente procurou outra paragem e quando chegou o mesmo gajo e disse:
        - Sai daí que um carro vai-se espetar com essa paragem.
        O homem deu um pulo para fora da paragem e veio um carro que estraçalhou tudo, o homem, perplexo, perguntou ao outro:
        - Tu és vidente ou quê?
        - Não, um amigo meu ensinou-me a prever as coisas.
        - Não me poderias indicar esse amigo teu ?
        - Claro, toma nota da morada, o nome dele é Ademar.
        Com a morada na mão o gajo foi procurar o tal Ademar, ao chegar lá, era um negrão de 1.95 de altura:
        - Olhe, poderia-me ensinar a fazer previsões ?
        - Claro, entre naquele quarto e espere.
        O homem ficou num quarto escuro durante 2 horas até que Ademar chegou e disse:
        - Então, estás a prever alguma coisa ?
        - Não, está tudo como antes.
        - Então tira a roupa.
        - Mas...
        - TIRA!
        O homem tirou a roupa e ficou no quarto escuro mais 5 horas, então chegou Ademar e disse:
        - Já estás a conseguir ?
        - Não, não consigo prever nada ainda.
        - Então pega naquele frasco de vaselina e dá um besuntadela no teu traseiro!
        - Epa, estás-me  a querer dar uma tacada não é Ademar ?
        - Estás a ver, já estás a melhorar !
 

        Um senhor foi a um restaurante e pediu esparguete. No fim do jantar quando o empregado vinha para receber, o Sr. disse que não pagava porque tinha encontrado um pelo na comida. E foi-se embora. O empregado segue-o e vê-o a entrar numa casa. Este sobe as escadas, abre a porta e vê o Sr. a fazer um minete a uma mulher. O empregado indignado entra no quarto e diz:
        - Então o Sr. encontra um pelo na esparguete e não paga, e agora está com a boca cheia de pelos.
        O Sr. respondeu:
        - Ah, mas se encontrasse esparguete aqui também não pagava.
 

        Naquela manhã, a D. Ana, professora na escola local, tinha saído de casa do amante, à pressa, sem sequer ter tempo de vestir as cuecas... Já estava atrasada para ir dar aulas à turma do 2o C...
        Chega à sala, já atrasada e senta-se na secretária. Cansada, a tentar retomar o fôlego, sem querer, ao sentar-se, a saia fica presa na cadeira e mostra à turma aquilo que Deus lhe deu... Envergonhada, repara que metade da turma está a segredar e rir-se e, tentado salvar a situação, resolve castigá-los...
        - Menina Maria, o que viu?
        - Nada, Sra. Professsora, nada... Isto é‚... Vi um bocadinho do seu tornozelo...
        - Menina Maria, que vergonha, três dias de suspensão! E o menino Manuel, o que foi que viu?
        - Bem... Eu vi um bocadinho do seu joelho...
        - Que vergonha!!! Uma semana de suspensão!!!
        - E o menino Carlinhos, o que foi que viu???
        O Carlinhos levanta-se, arruma os livros, vira-se para o resto dos colegas e exclama:
        - Bem malta, então até para o ano!
 

        Diz uma minhoca ao ver um prato de esparguete:
        - Que grande orgia!!...
 

        Durante uma visita interplanetária de cortesia, um casal de marcianos sugeriu aos seus anfitriões da Terra uma noite de troca de casais. Tudo acertado, a mulher da Terra foi para o quarto com o marciano e, no inicio, decepcionou-se ao ver que o órgão sexual do seu parceiro tinha dimensões muito reduzidas. Mas logo o marciano começou a torcer a orelha direita e depois a orelha esquerda e seu órgão sexual foi aumentando de extensão e volume até atingir proporções, realmente, extraterrestres. Na manhã seguinte, muito satisfeita, a mulher perguntou ao marido o que ele tinha achado da experiência dele.
        - Não deu para fazer nada - lamentou-se ele - A marciana é doida. Passou a noite inteira a torcer as minhas orelhas.
 

        Um velhinho vai a um Hospital...
        - Preciso que me faca um teste de sangue Sr. Dr. porque vou casar para semana.
        - Casar ? Que idade tem o senhor ? - pergunta o médico.
        - Oitenta e oito.
        - E a sua noiva ?
        - Vinte e um.
        - Vinte e um ?! Mas olhe que essa diferença de idade por ser fatal!
        - Então... paciência! Se ela morrer, morreu...
 

        A Isabel casou e foi morar no 1.o andar enquanto que os pais continuavam a morar no R/C.
        - Isabel! - chama a mãe - O jantar está pronto.
        - Já vou mãe!
        Diz o Chiquinho:
        - Eu sei o que eles estão a fazer.
        - Cala-te, não seja parvo. Isabel, anda já para a mesa!
        - Vou já mãe!
        E o Chiquinho repete:
        - Eu sei o que eles estão a fazer.
        - Já te disse para estares calado, seu parvo. Isabel! Venham para a mesa!
        E o Chiquinho insiste:
        - Eu sei o que eles estão a fazer. A Isabel pediu-me o tubo da vaselina, e eu dei-lhe o tubo da cola!…
 

        Esta veio do Brasil:
        Três pintinhos morreram e foram para o céu. Chegados lá, São Pedro disse que só havia vaga para dois. Resolveram então apostar uma corrida para ver quem entrava.
        - Um, dois, três ... já! - contou S. Pedro.
        Dois correram e entraram sem problema. O terceiro, lerdo demais, ficou de fora.
        Moral da Historia: Pintinho mole não entra.
 

        Aqui vão algumas considerações sobre como é praticado o sexo por membros de várias profissões:
        - Jogadores de bowling: Fazem-no com bolas;
        - Jogadores de tennis: Têm bolas peludas;
        - Fotógrafos: Só o fazem às escuras;
        - Bombeiros: Só o fazem com muito calor;
        - Polícias: Com algemas;
        - Informáticos: Começam com o SOFTware e depois passam ao HARDware;
        - Físicos: Fazem-no com um BIG BANG;
        - Consultores: Dizem-te como se faz, cobram-te uma fortuna mas nunca realmente o chegam a fazer;
        - Agentes Secretos: Fazem-no debaixo dos lençóis.
 

        Estavam um menino e uma menina à beira da piscina e o menino disse enquanto olhava para dentro dos calções:
        - AHAHAHAHAH, eu tenho uma coisa no meio das pernas que tu não tens.....
        E a menina responde:
        - Hum!!! A minha mãe disse que com o que eu tenho no meio das pernas, posso conseguir QUANTOS EU QUIZER !!!
 

        Sabes o que é que é mais perigoso que um Doberman com SIDA ?
        A pessoa que lhe passou a doença...